Carlos Alexandre Braga | Guarda Municipal - Atividade de Risco

25/02/19 - Por Carlos Alexandre Braga / Comandante Geral da Guarda Civil Metropolitana e Presidente do Conselho Nacional das Guardas Municipais: Faço questão de solicitar a divulgação do vídeo abaixo no blog O Cão De Guarda Notícias para atingir o maior número possível de interessados, reforçando assim as fileiras dessa batalha - que é de todos!

Veja também: SP | Homens são presos em flagrante na Avenida Paulista por tráfico de drogas

Comandante Geral da Guarda Civil Metropolitana e
Presidente do Conselho Nacional das Guardas Municipais

Este vídeo tem como objetivo sensibilizar os nossos parlamentares para a importância da contemplação das Guardas Municipais na Reforma da Previdência apresentada pelo Presidente da República Jair Bolsonaro, que será debatido e votado no parlamento.

Muito mais do que importante é a justiça para com estes profissionais que tanto prezam pela segurança da população, colocando muitas vezes a sua própria vida em risco. Fonte: YouTube.

Guarda Municipal Atividade de Risco



Canal Azul Marinho

Aposentadoria do GM - Bolsonaro Traiu os Guardas Municipais?


Com a palavra, o Secretário Municipal de Segurança Urbana, Coronel José Roberto

"Tenho lidado com segurança pública há pelo menos 34 anos, tendo desenvolvido várias funções, do policiamento nas ruas a atividades administrativas, portanto, acredito ter a real dimensão do que isto significa para as pessoas que exercem estas mesmas funções.

Nos últimos dois anos passei a ter o privilégio de ser Secretário Municipal de Segurança Urbana da cidade de São Paulo, sob a qual esta subordinada a Guarda Civil Metropolitana.

Há menos de uma semana o Governo Federal apresentou ao congresso sua proposta de alteração da previdência, algo fundamental e urgente para o país e para as próximas gerações. 

Não poderia deixar de comentar sobre um ponto, que ao meu ver, não faz justiça aos Guardas Municipais. Longe de defender privilégio quero e defendo que se faça justiça. 

A constituição de 1988, em seu Art. 144, não contempla de forma clara as Guardas como órgão de segurança, talvez porque a época elas ainda eram recém-criadas e não tinham o papel que tem hoje, e que a lei 13.022 de 2014 mostra com clareza. 

O Estado de São Paulo, possuiu 205 municípios com Guardas Municipais, são quase 40 mil homens e mulheres, uniformizados, armados, atendendo os cidadãos dos seus municípios, e em vários deles com efetivo maior que da Policia Militar local.

Como secretario, tive a difícil tarefa de participar de sepultamentos de Guardas que foram mortos em serviço ou em razão de sua atividade. Embora o legislador não queira reconhecer, para a população estes homens e mulheres são policiais e posso garantir que assim tem trabalhado diuturnamente.

É fundamental, correto e justo que o congresso possa corrigir esta falha. Peço aos deputados, deputadas, senadores e senadora do nosso estado que trabalhem para corrigir este equívoco. Não acredito que possamos abrir mão destes milhares de homens e mulheres, que são policiais na plenitude da palavra". Fonte: Whatsapp.


Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra