04 novembro 2017

Doria estuda parcelar o pagamento dos servidores - Agora ficou claro: o sinal era uma tesoura!

04/11/17 - Ao que parece o prefeito de São Paulo estuda parcelar o pagamento do funcionalismo público de São Paulo. A informação surge logo após um de seus secretários, afirmar em audiência na Câmara Municipal, que não ocorrerão novas nomeações até o problema do IPREM (Instituto de Previdência do Município) ser sanado. Veja também: Trambiqueiro tenta se passar por guarda civil e recebe um par de algemas legítimo ao entrar em cana

"... Mais uma vez esse governo age na base da chantagem para tentar aprovar os projetos de ataque ao IPREM e a aposentadoria dos servidores. O gasto com folha de pagamento no município está bem abaixo do estabelecido pela LRF. O governo quer transformar o funcionalismo em bode expiatório de uma suposta crise fiscal, chantagear o funcionalismo e atacar o IPREM. O município está longe de situações precárias que ocorre em alguns estados do país. Não aceitaremos essa atitude, não aceitaremos chantagem. Vamos continuar resistindo a qualquer ataque aos servidores municipais....". Por Vereador Toninho VespoliFonte: Facebook.


Ahhh... agora eu entendi o sinal!


Um comentário:

  1. Ou seja .....tchau convocação de novos GCMs !!! E tem gente que fala que esse governo é diferente!!!!

    Sim concordo diferente na maneira de agir mais igual nas atitudes.

    ResponderExcluir

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.