Após a Indonésia, agora é a vez da Polônia anunciar a castração química para pedófilos

24/10/17 - Após a Indonésia anunciar a castração química para pedófilos em 2015, agora é a vez da Polônia seguir na mesma linha. Segundo o procurador indonésio, a medida buscaria combater as altas taxas de crimes deste tipo. "Vai fazer as pessoas pensarem mil vezes antes de cometerem tais crimes" afirmou o procurador-geral. Veja também: Desenhos insinuantes e dano ao patrimônio público

Na Polônia a medida - prevista para alguns casos - apresentada pelo governo de direita gerou muitas críticas pelos representantes de direitos humanos ligados a movimentos de esquerda do país. Veja ainda: Caetano Veloso e as acusações de pedofilia


"Se a pessoa é sã, podemos puni-la. Se é doente mental, devemos curá-la, é assim que a lei polonesa funciona", afirmou um representante dos direitos humanos. O projeto ainda precisa ser aprovado, mas parece que não irá encontrar resistências. Fontes de pesquisa: Expresso Diário e S//Ásia

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra