12 fevereiro 2017

Câmara Municipal de São Paulo - Quando acabar o maluco sou eu...

"... Não bulo com governo, nem polícia, nem censura / É tudo gente fina, o meu advogado jura...". E não é que ele estava certo? (Mais uma vez).

12/02/17 - Por Dennis Guerra: O trecho da canção de Raul Seixas é a melhor para exemplificar a minha intenção com este texto, principalmente quando o assunto é governo. 

Veja também: Sobre o pessoal que defendia tratar bandido com flores - Enfiaram o buquê entre as pernas!

O que ocorreu essa semana na Câmara Municipal de São Paulo mostra que a crise existencial vivida pelo do povo brasileiro desde a criação do Brasil (Sim, porque o nosso país não pode ter sido descoberto: ele só pode ter sido inventado) chegou ao limite.

O vídeo abaixo, apesar de ser de um movimento abertamente contrário (MBL) é o mais completo para mostrar o que ocorreu nos bastidores do tumulto na Câmara Municipal. Bem diferente do Estadão, que apresentou um título tendencioso para noticiar o caso. Isso foi alvo de inúmeras críticas nas redes sociais. Clique na imagem ao lado para ampliar.

Veja ainda: Vereadora do PT acusa assessores de Fernando Holiday de agressão



Nisso, alguns devidamente inseridos nos assuntos partidários se utilizarão desta postagem para alegar apoio a esse ou aquele - Argumentum ad hominem - mas desconsiderarão o que está bem explícito. Outros, mais experientes, nem darão atenção ao que eu escrevo, pois o simples fato de comentarem a respeito significa dar força ao pensamento. Mas isso não aceitam. Viva La Democracia! E ainda: Mídia Alcoviteira

Vivemos uma crise política muito séria, onde a ideologia se perde em acusações sem fundamento, rixas pessoais e uma cegueira permanente para os fatos: Precisamos reinventar o Brasil. Veja a outra versão no vídeo abaixo:


E não é que ele estava certo? (Mais uma vez)




Compartilhe pelo seu Whatsapp e colabore conosco (Clique AQUI)
image

O Cão De Guarda Notícias

Autor e Editor

Dennis Guerra Contato Whatsapp 11 95580-1702

0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Postar um comentário

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.

biz.