MP entra com ação de improbidade contra Haddad por trote em agenda

22/07/16 - O Ministério Público de São Paulo ingressou na Justiça uma ação civil contra o prefeito Fernando Haddad pela prática de improbidade administrativa por conta do trote aplicado no historiador Marco Antônio Villa usando a agenda oficial da Prefeitura, em maio.



No documento, o promotor Nelson Luís Sampaio de Andrade, do Patrimônio Público e Social da Capital, afirma que a atitude de Haddad “correspondeu a grave ofensa à moralidade da Administração Pública (...) acarretando um dano difuso, abstrato, de características não patrimoniais”. O texto diz ainda que Haddad "não procedeu de boa fé" e "utilizou-se, indevidamente, em proveito próprio de serviços públicos". Para saber mais clique AQUI. Fonte: G1

Pedido foi feito após prefeito divulgar agenda falsa para enganar historiador. Caso ocorreu em maio; promotor vê 'grave ofensa' à administração pública.

"Fernando Haddad agora é um problema da Justiça" Marco Antônio Villa. Assista ao comentário completo em Jovem Pan On Line - Facebook




Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra