02 abril 2016

02/04/16 - Por Dennis Guerra: Nunca tive a pretensão de ser um exímio escritor ou publicar artigos de caráter científico. A minha linha de escrita, traz em si, algo mais coloquial. Dentro disso, busco uma linguagem mais fácil e que transmita - de forma direta - uma linha básica de entendimento e, quem sabe, ajude a esclarecer alguns pontos de nosso cotidiano. Visite O Cão De Guarda Notícias no Instagram

Ontem mesmo, enquanto fazia uma prova de Língua Portuguesa na faculdade, pensei o quanto eu cometo erros em meus textos. E, apesar disso, nunca temi em expor as minhas ideias. O meu mérito - se assim o fosse - não estaria na forma escrita e sim na coragem de expor os meus pensamentos. Sim, pois hoje em dia, precisa de muita coragem (ou estupidez) para isso. Como não me vejo no segundo caso, suponho estar no primeiro, até mesmo considerando o que acabei de escrever em Redes sociais - A Pirâmide de Maslow e as Guardas Municipais

Mas aproveitarei o texto de outra pessoa para expressar - de forma clara e objetiva - o que penso a respeito. Veja ainda: "A árvore balançou para você também" - A quem cabe resolver o problema?

O Bobo da Corte

"Quanto mais diminuirmos a quantidade de pessoas com as quais, de alguma forma, nos relacionamos diretamente, também diminuímos as probabilidades de decepção! E se mesmo no seleto grupo houver desgosto por alguma atitude ao vosso respeito ou a de terceiros que vos causou repúdio: trate o bobo da corte com grande cinismo, pois todo desgaste interpessoal deixa cicatrizes que no momento mais oportuno inflamará novamente. Neste entendimento, trate de cercear qualquer tipo interação com o bobo da corte, pois logo e não tarde ele não perderá a oportunidade de colocá-lo sob os holofotes do escárnio, tentando diminui-lo ou ridicularizá-lo. Porém tão logo termine, cairá em uma tristeza funesta, pois nem mesmo ele aceita a condição a qual o destino o impôs". Por Jefferson A. Guerra - Facebook.


Eu, pelo contrário, continuarei fazendo aquilo que acredito ser o mais apropriado ao meu caráter. Exemplo disso é o texto abaixo, onde destaquei profissionais de real valor e o seu compromisso com a carreira escolhida. A foto é um registro da equipe, a meu pedido.

"01/04/16 - Por Dennis Guerra: Nesta data, por volta das 16:40, enquanto eu fazia o meu trajeto até a faculdade, resolvi parar em recuo da Marginal Tietê - pista central - para dar uma relaxada no corpo. Nisso, ouvi um toque de sirene vindo da pista local e quando me virei, só avistei ao longe uma viatura da GCM/SP em deslocamento. Quando cheguei ao meu destino, vi uma ligação em meu celular e retornei o contato. Era o GCM Assis e a sua equipe, composta pelos GCMs Anselmo e França - lembra da viatura e toque de sirene? Eram eles. Tendo percebido que eu estava com a minha motocicleta estacionada, logo entraram em contato e perguntaram se eu necessitava de algum apoio. Em tempos nos quais nos debruçamos sobre os celulares para tecer críticas, quero aqui registrar os meus mais sinceros agradecimentos a esses guerreiros pois, é sempre mais fácil criticar do que elogiar. Parabéns a todos vocês, pelo compromisso assumido com o colega! "Muito obrigado pelas palavras... Porém acho que é a nossa obrigação. Caveira, meu amigo" Por Assis. Fonte: Instagram O Cão De Guarda Notícias.


Você finge que eu não estou aqui
simplesmente por não ter coragem de falar na minha frente! 


0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.