17 abril 2016

Guarda civil é conduzido por funcional não ser 'reconhecida' como documento oficial

17/04/16 - Por Dennis Guerra: A alguns dias atrás, comentei no texto Segurança Pública - A falha real do sistema não está na base, e sim no topo! que "... Não importa o que você faça, as coisas continuam a mesma merda". O problema é que nessa merda, somos as moscas...". Pouco depois (15/04) recebemos a informação sobre um GCM que teria sido conduzido à uma delegacia por sua funcional (na forma como foi confeccionada) ter gerado dúvidas aos policiais militares que o abordaram. Veja o relato abaixo. Veja também: Sistema de Segurança Pública no Brasil - Uma Trilogia (Por Joel C. Raphael)

"Senhores GCMs, boa noite. É com muita indignação que vos escrevo esse texto! Na data de hoje 15/04/2016 fui abordado por uma viatura PM do 33° (Batalhão) onde, ao me identificar verbalmente que era GCM de São Paulo, não fui bem atendido. Após o sargento PM me revistar e tirar a minha arma da cintura, me pediu a funcional. Quando eu lhe mostrei a funcional - que é provisória (de papel sulfite), onde muitos colegas estão assim trabalhando, o mesmo ficou em dúvida da minha função, aí então já me retirou todos os direitos de ir e vir. Revistou meu veículo de ponta a ponta. Não me deixou sequer fazer uma ligação. E, mesmo após eu mostrar meu holerite eletrônico, não se contentou: chamou o tenente. Três viaturas me conduziram ao 3° DP Carapicuíba. Aí ligaram na base que sou lotado. Aí mudou a conversa e me liberaram. Fiquei indignado da forma que me conduziram e já tomei todas as providências quanto ao fato. O que peço aos senhores é                                                funcional                      , só vai passar constrangimento. Até provarem que são GCMs... Até concordo com os PMs pelo fato de terem dúvidas quanto ao documento, mas não aceitei o constrangimento. Minha advogada já está fazendo a representação na corregedoria da PM. Bem, estou muito indignado... Abraço a todos"! O autor terá o seu nome preservado para a sua segurança e evitar represálias. As partes censuradas buscam prevenir qualquer tipo de punição quanto à opinião individual do autor e a sua publicação neste blog. Fonte: Whatsapp.


Analise outro caso: "Quero comentar sobre isso. No que foi descrito acima pelo colega, houve sim um exagero e abuso do um policial militar e equipe, que será devidamente representado na Justiça. No segundo, vindo para a faculdade e atrasadíssimo para uma prova, fui parado por uma equipe da PMESP. Ao perceber a minha preocupação com algo, o PM perguntou se estava tudo bem. Ao explicar o motivo, ele perguntou a minha profissão. Me identificando como GCM, ele apenas me disse: "Vai lá e boa prova. Somos uma família". Por isso não podemos generalizar jamais". Fonte: Whatsapp.



Compartilhe pelo seu Whatsapp e colabore conosco (Clique AQUI)
image

O Cão De Guarda Notícias

Autor e Editor

Dennis Guerra Contato Whatsapp 11 95580-1702

0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Postar um comentário

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.

biz.