03 março 2016

"A árvore balançou para você também" - A quem cabe resolver o problema?

03/03/16 - Por Dennis Guerra: Dentre uma das coisas que não abro mão na vida, uma delas é escrever os meus textos aqui no O Cão De Guarda Notícias. Não que isso possa ser relevante para você, mas é para mim. Certa vez, Maurício Naval me disse: "Se preocupe apenas com quem lê os seus textos, e não com o contrário". Veja também: Vamos de 'carro velho' mesmo!

"A árvore balançou para você também" foi uma afirmação que ouvi essa semana, após um debate em grupo de rede social. Interessante é que, vinda de quem veio, a grande questão é que na posição que a pessoa ocupa, ela deveria era estar me defendendo, e não tripudiando sobre mim. Mas, vá lá.. cada um tem aquilo que merece!

Sobre a afirmação, ainda, se a árvore balança - tanto para um quanto para outros, fica uma dúvida: Ela balançou porque o vento é forte demais e as frutas estavam podres ou porque o vento era fraco e o problema está no tronco apodrecido?


Se o problema está no fruto podre, tudo bem. Eles devem ser descartados mesmo. Fruto podre estraga os outros e o cesto fica tomado por vermes. Mas, e se o problema está no tronco? Nesse caso, tanto os frutos bons quanto os estragados cairão. Qual a vantagem para quem vai colher a produção?

No primeiro caso, temos Ameaças e Oportunidades e no segundo, Pontos Fortes e Fracos. Veja mais em O que é a Análise SWOT e onde ela poderia ser utilizada?

Veja, não é uma simples questão de mágoa. Eu me sinto bem dentro daquilo que venho fazendo e onde estou. Não me vejo sendo necessário em outras situações que não as atuais. No que eu pude colaborar, o fiz (E aqui coloco todos aqueles que passaram por isso e se sentem como eu me sinto).

Finalizando, se a colheita corresse algum risco e a produção estivesse ameaçada, caberia ao agricultor resolver o problema - ou ao fruto?


Obrigado Maurício Naval!

0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.