27 janeiro 2016

Sobre 'dinheiro em guardas municipais ser mau investimento', deixo a frase "A língua é o chicote da bunda"

27/01/16 Por Dennis Guerra: Guarda municipal de Araras - fora de serviço - presencia momento em que ladrão rende vitima em um salão de cabeleireiro após sacar R$ 4.100,00 Reais no banco. O guarda abordou o ladrão, recuperando o dinheiro e apreendendo uma pistola. Na filmagem ele ainda pede auxílio a munícipes, para ligarem para Guarda Municipal e Polícia Militar. Não ocorreram disparos. Colaborou para esta matéria Daniel AlmeidaVeja também: Admiradores da Rota - Dessa vez eu não cliquei em 'curtir'!

Nota do Editor OCDGN: Como certa vez me disse um amigo meu, "A língua é o chicote da bunda". A frase caiu bem - logo nessa data - após certos comentários feitos por alguns internautas, se referindo que as guardas municipais são dinheiro mal investido em matéria de segurança pública. Prestem atenção no vídeo abaixo, gravado por munícipes, enquanto registram a ação do guarda civil. 


Na Zona Norte de São Paulo, mulher é detida após furto

Você Repórter - Julio: Em patrulhamento pela Avenida Itaberaba, na Zona Norte de São Paulo, uma mulher foi avistada em atitude suspeita. Feita a abordagem, foi constatado em sua sacola uma grande quantidade de mercadorias. Feita a entrevista, a mulher confessou que havia furtado os produtos no hipermercado próximo. Em diligência ate o local, os seguranças confirmaram a falta das mercadoria e averiguado na filmagem, constavam as cenas do ilícito. O caos foi registradona 13° Delegacia de Polícia - Casa Verde.


Compartilhe pelo seu Whatsapp e colabore conosco (Clique AQUI)
image

O Cão De Guarda Notícias

Autor e Editor

Dennis Guerra Contato Whatsapp 11 95580-1702

0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Postar um comentário

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.

biz.