09 janeiro 2016

Coluna do Fura - O Setor de Segurança Privada (Manifestações em São Paulo)

09/01/16 - Por Dennis Guerra: Uma notícia chamou a atenção - e gerou certa indignação - por conta de um comentário feito por um dos internautas. Veja também: Polícia no Brasil é 'um corpo caído no chão frio, ao lado do sangue quente'

Vejamos a notícia: Ação da GCM termina em morte de menor - Por Yara Ferraz Do Diário do Grande ABC: Uma ação da GCM (Guarda Civil Municipal) na Vila Suiça, em Santo André, terminou com a morte de um jovem de 15 anos. O rapaz que foi atingido com dois tiros estava envolvido no tráfico de drogas, segundo informações da corporação. Uma viatura patrulhava a Rua Titan, quando avistou três homens correndo, sendo que um deles levava um pacote envolto com a camiseta. Dois foram em direção a Avenida Queirós Filho e fugiram. O jovem entrou em uma viela e começou a se esconder entre as casas. Conforme a GCM, os moradores indicaram onde ele estava, quando foram recebidos por tiros. Nesse momento, o rapaz foi atingido pelos disparos. O resgate foi até o local, mas o adolescente morreu na hora. Junto com ele estava um revólver calibre 32 com numeração raspada e cinco cartuchos, sendo um deflagrado. Ao vistoriar a viela a GCM encontrou uma sacola com entorpecentes. O caso foi registrado na Delegacia de Homicídios de Santo André. Fonte: Diário do Grande ABC

Vejamos agora o comentário, elaborado por Heleno Marquizzi, que se apresenta como supervisor de uma empresa de segurança privada:

"Segundo o Diretório Geral para os Direitos Humanos da ONU,as GCMs são policia comunitaria para atuarem junto ás comunidades e para tal a arma de fogo é totalmente desnecessaria, até um empecilho ao bom trabalho policial. Fica evidente que essa tragedia dantesca teria sido evitada se a GCM fosse desarmada, a ultima coisa que os andreenses querem é uma GCM dizimando nossa juventude. Nossa juventude precisa de educaçao compreensaõ e lazer, não de uma GCM armada para reprimi-la. Pensemos nisso para as proximas eleiçoes e elejamos um prefeito que tenha peito para desarmar a GCM e contribuir para dimiunuição dos homicidios em nossa cidade [Sic]".

Veja o desabafo de um guarda civil que teve a casa invadida por bandido essa semana:

"Por GCM/CE T.: Guerra, Boa noite! mais uma vez fui atacado por covardes, e pior entraram na minha casa com uma arma na cabeça do meu filho. Mas só prejuízo material e algumas lesões derivadas do tiro que levei. Graças ao Todo Poderoso Deus, que mais uma vez mostrou sua presença. O tiro na mão foi que no momento em que eu estava usando a técnica de fatiamento. Ele já estava posicionado e atirou. Se eu não tivesse usado a técnica estaria com o tiro no peito. Quero agradecer a todos que estiveram no apoio. Muito obrigado". Fonte: OCDGN

Particularmente, fico em dúvidas sobre discutir algo sobre o tema com uma pessoa que tem até mesmo dificuldade para expor o pensamento na forma escrita. De qualquer forma, não há como negar que, no entendimento mínimo, a pessoa entende pouco sobre o assunto - ou ainda, o seu entendimento tem um viés mais partidário do que realmente técnico em qualquer assunto. Analise este trecho da matéria: "... os moradores indicaram onde ele estava, quando foram recebidos por tiros. Nesse momento, o rapaz foi atingido pelos disparos. O resgate foi até o local, mas o adolescente morreu na hora. Junto com ele estava um revólver calibre 32 com numeração raspada e cinco cartuchos, sendo um deflagrado..."

E aí, um pseudo especialista vem comentar que o problema é a GCM estar armada. Que a juventude precisa de escolas. Claro que precisa de escolas, de educação! Precisa de saúde digna, de inúmeras outras políticas sérias. Agora, tratar o todo com um ponto de vista tão limítrofe e despreparado não nos levará a lugar algum - somente ao fundo do poço, conforme eu comentei em 2015 / 2016 e tantas outras matérias aqui no O Cão De Guarda Notícias.

Outro ponto é que, quando comentamos que insegurança pública gera benefícios à empresas privadas de segurança - considerando que as pessoas sentem-se menos protegidas pelos verdadeiros responsáveis para tal (entenda aqui o Poder Público) - acredito que um representante de tal setor deveria avaliar melhor o seu posicionamento nesse contexto. E se alguém concorda contigo, também concorda - mesmo que indiretamente - com as imagens abaixo, sobre manifestação ocorrida em São Paulo:


E o que você acha sobre policiais cercados durante a manifestação e ameaçados pela juventude brasileira? Obrigado Heleno, você é uma das pessoas que contribui para tudo isso!


E para encerrar, solicito que visitem a coluna Você Repórter - OCDGN e tirem as suas próprias conclusões. Obrigado!

Em tempo: Toma aí Heleno Marquizzi, a sua juventude...

Você Repórter - Teixeira: Em policiamento pelo perímetro da Rua Tiers - São Paulo, guardas civis apreenderam um indivíduo que acabara de roubar dois aparelhos celulares com uso de simulacro de arma de fogo. As vítimas reconheceram o menor infrator e informaram que o outro se evadiu do local, sendo localizado na posterior pelo Sargento Elias da Cavalaria efetuando outro roubo. O caso foi apresentado na 12° DP.
Foto: Equipe no local.



Para participar do debate, clique na imagem abaixo


Fonte/imagem: Whatsapp


0 COMENTÁRIOS DOS VISITANTES::

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.