Oferecer maconha pode. Ameaçar estuprar, não - Estou confuso, não é tudo crime?!

12/12/14 - Por Dennis Guerra: Cara, esse mundo é muito louco - veja os vídeos abaixo. No primeiro, o Senador Cristovam Buarque defende e impede que homem seja

VEJA TAMBÉM: Opinião - Parece que a cada dia a imagem de anjos da guarda é suprimida por outras que demonizam as forças policiais

preso por fazer apologia ao tráfico/uso de entorpecentes, alegando a liberdade de expressão que deve ser defendida pela casa legislativa. No outro, a Deputada Federal Jandira Feghali (PC do B - RJ) conclama o Congresso Nacional a cassar o mandato do Deputado Jair Bolsonaro em referência ao episódio com a Deputada Maria do Rosário.

Senador Cristovam Buarque impede o cumprimento da lei após homem supostamente oferecer drogas em comissão do Senado Federal





Deputada rebate em cadeia nacional ofensas de Bolsonaro





Eu não concordo com nenhum dos casos, ou seja: ninguém deve ter o direito de fazer apologias/insinuações de crime, seja qual for a casa legislativa. Concordo que, quando parte de um representante político, a coisa piora. O que eu não entendi é o porquê criou-se tanto debate e indignação por conta das palavras do Deputado Bolsonaro e o que se refere ao Senador Cristovam Buarque passa ao largo das indignações. O problema seriam as casas diferentes? Ah, para com isso!

O problema é outro, não é?

Decidam: um é crime e o outro não... liberdade de expressão pode, não pode... no final das contas: o que vocês parlamentares querem da vida? Eu só quero entender tudo isso!

Deputada Jandira Feghali, aproveita a sua indignação com a atitude do Deputado Bolsonaro e  representa também o Senador Cristovam Buarque. Quebra essa por nós, brasileiros, indignados com tantas absurdas alegações!

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra