Guarda Civil à paisana evita que homem cometa suicídio e auxilia bombeiros no resgate - Zona Norte de São Paulo

21/11/14 Você Repórter - Denis Pimentel: Voltando de minha corrida no Parque Vila Lobos ontem (20) pela manhã, me deparei com uma pessoa projetada sobre o parapeito da Ponte da Freguesia do Ó - Zona Norte de São Paulo - prestes 


a se atirar. Parei meu carro, liguei o alerta e comecei conversar com o senhor, tentando convence-lo a declinar de tal ato. Aparentemente, o homem apresentava problemas mentais. Duas senhoras que estavam passando por ali solicitaram a presença do Corpo de Bombeiros via fone e, neste ínterim, fui dialogando com o possível suicida.

VEJA AINDA: Assaltantes são presos em flagrante pela Guarda Civil no centro de São Paulo

Quando os bombeiros chegaram de motocicletas, um sargento passou a conversar com o homem e me pediu para permanecer ali também justamente pelo elo de confiança que tinha sido gerado entre aquele homem e eu. Quando começaram a chegar as outras viaturas, o senhor se assustou, soltou um dos braços e se projetou ainda mais para saltar, momento em que o sargento dos bombeiros, se valendo da distração do cara, o agarrou.

Eu, que estava bem ao seu lado, auxiliei na imobilização até que os demais bombeiros ajudassem a transpor o homem para uma posição segura na ponte, onde foram tomadas as providências devidas. O sargento me agradeceu, eu me identifiquei para ele e parabenizei todos ali pelo valoroso trabalho. 


Vista do alto da Ponte da Freguesia do Ó. Fonte/imagem: Metropolis Tour

Nós acordamos, planejamos o dia, mas nem fazemos ideia do que nos está reservado. Este é o bacana da vida! Feliz aqui, e agradecido a Deus!





Relembre conosco outro caso




Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra