Por Coronel Telhada - Mais um herói covardemente assassinado!


13/09/14 - Por Coronel Telhada: Faleceu na manhã desta sexta-feira, dia 12 de setembro, o Guarda Civil Metropolitano Vanderlei da Silva Rodrigues. Ele morreu vítima dos tiros disparados em 31 de agosto, pelo boxeador Edson Ferreira, até então tido pela mídia tendenciosa como a vítima da história. O GCM Vanderlei tinha 44 anos, era casado e pai de 


dois filhos, um deles deficiente físico. Com um histórico exemplar na guarda paulistana, Vanderlei receberia a Medalha Jânio Quadros, criada por mim, na próxima segunda-feira, dia 15, na Câmara Municipal.

Vanderlei foi vítima duas vezes, primeiro nas mãos do assassino campeão de boxe, depois foi vítima de criticas impensadas e infundadas por parte da imprensa que citou os homens da GCM como mal preparados, mal profissionais e os condenaram como assassinos.

O GCM Vanderlei estava trabalhando dentro da lei, legitimamente escalado para conter o comércio ilegal perto do Anhembi, quando foi atacado por um homem que não obedeceu a ordem de parada e abordagem, de um servidor público das nossas forças de segurança.

Nada disto foi levado em conta por certos jornalistas que preferiram defender um homem que vendia mercadorias de forma ilegal, que roubou a arma de dois guardas, atirou contra ambos e um deles – infelizmente – veio a óbito, estando o outro GCM ainda internado.

Os GCMs se defenderam e o ambulante morreu, mas isto ocorreu não por ele vender mercadorias de forma irregular, mas sim por ter reagido e atirado contra os guardas.

A família GCM está de luto pelo guarda que faleceu, eu estou de luto e todos que valorizam as nossas forças de segurança e a respeitam também ficarão! Mais duas crianças sem pai, mais uma viúva da segurança pública, mais um guerreiro tombado...

Presto minha última homenagem, contando o motivo pelo qual o GCM seria homenageado segunda-feira:

No ano de 2009, ao ocorrer um roubo de carga que fez o condutor do veículo como refém, o GCM Vanderlei recuperou a carga roubada e libertou a vítima sequestrada. Portanto mais um herói, covardemente assassinado! Fonte: Coronel Telhada - Facebook


VEJA AINDA:



Imagem encaminhada via WhatsApp

Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra