31 agosto 2014

Durante serviço, dois guardas civis são atingidos por disparos de arma de fogo na Zona Norte de São Paulo (Atualizado)

01/09/14 - Por Dennis GuerraEm 31/08/14, conforme chegavam as primeiras informações repassadas via WhatsApp, era noticiado neste site que dois GCMs (Inspetoria Regional de Santana) teriam sido baleados por um homem nas proximidades da Avenida Cruzeiro do Sul e Santa Eulália -    


região Norte de São Paulo. Um dos Os guardas civis (que terão os nomes preservados por motivos de segurança) sofreu um disparo na região do tórax e o outro, na cabeça. No primeiro caso, ele foi encaminhado a um hospital da região encontra-se em estado estável. No segundo, as equipes de apoio aguardam a presença do helicóptero Águia, da Polícia Militar (Pelicano, da Polícia Civil, presente no local). O autor dos disparos, que teve a injusta agressão repelida pelos agentes, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Esta postagem será atualizada em breve. Fonte: OCDGN I - WhatsApp. Veja a repercussão na grande mídia

Edson Rapadura é morto por GCMs em confusão após vender água em São Paulo

O bicampeão de boxe conhecido como Edson Rapadura iria vender água para conseguir comprar alimentos para os filhos, quando foi abordado por Guardas Civis Municipais, em São Paulo. Segundo os guardas, ele teria tentado lutar com eles, pegou a arma e atirou, quando foi atingido e morreu. Veja! Fonte: R7





Nota OCDGN - Durante o dia seguinte, tivemos uma grande repercussão na grande mídia sobre o ocorrido. Familiares defendendo o bom caráter do falecido - nada mais natural - o jornalista Marcelo Rezende e o seu comentarista Percival de Souza fazendo afirmações baseadas no velho estilo sensacionalista (como sempre), chegando até mesmo à demonstrar o desconhecimento da lei.



Até aí, não vamos perder tempo com o Marcelo Rezende, pois, referente a ele, temos um artigo específico. Veja em:  'Corta pra mim' - Marcelo Rezende afirma que ocorrerá choque de competências entre guardas municipais e polícia militar

Investigações

O caso passa a ser investigado pela Corregedoria da Guarda Civil Metropolitana e Polícia Civil, que já requisitou algumas imagens do monitoramento da CET e aguarda por novas imagens. O que deve-se agora é aguardar pelo desenrolar das investigações. 

Um lado

Segundo a família e a grande mídia, o ambulante era um batalhador, bom pai de família, carismático e perdeu a vida apenas por estar vendendo água. Ninguém aqui irá colocar em dúvida a opinião de amigos e familiares sobre a índole do vendedor.

O outro lado  

Porém, se os mesmos repórteres fossem entrevistar os familiares dos GCMs envolvidos na ocorrência, e que estão internados até este momento, também irão perceber que ali existem opiniões equivalentes: batalhadores, bons pais de família, carismáticos e quase perderam a vida por exercer as suas atribuições.








2 comentários:



  1. Anônimo disse...
    e ainda tem gente que está condenando os guardas que agiram em legitima defesa ,há pessoas que não querem ver nosso crescimento, o duro ainda é ver o Marcelo resende no cidade alerta ,escrachar os guardas municipais de todo o brasil ao condenar os gcms que atiraram no boxeador após dois guardas serem baleados pelo mesmo,eu queria ver o que ele iria fazer se um lutador de artes marciais tomasse sua arma e disparasse contra ele ou seu parceiro! para quem trabalha de terno e gravata na frente de uma câmera é fácil falar mas não foi ele que foi atacado e alvejado ´no cumprimento de seu dever ,e mesmo com a pl das guardas já aprovada ,o desenformado disse em rede nacional que só podemos tomar conta de praças e prédios ,alguém por favor apresente a lei 13022 para este desenformado , isso é um tapa na cara dos mais de 100mil guerreiros que dão a vida para proteger seus munícipes pelo brasil afóra, fica aqui minha indignação com este tipo de pessoas que não entendem ou não querem entender nosso trabalho! ele ainda pode precisar de nós um dia, e como bons defensores que somos estaremos aqui para servir e proteger!!

    ResponderExcluir


  2. , o duro ainda é ver o Marcelo resende no cidade alerta ,escrachar os guardas civis metropolitanos de são Paulo que atiraram no boxeador após dois guardas serem baleados pelo mesmo,e mesmo com a pl das guardas já aprovada ,o desenformado disse em rede nacional que só podemos tomar conta de praças e prédios, isso é um tapa na cara dos mais de 100mil guerreiros que dão a vida para proteger seus munícipes pelo brasil afóra, fica aqui minha indignação com este tipo de pessoas que não entendem ou não querem entender nosso trabalho!

    ResponderExcluir

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.