02 maio 2014

Haddad quer pagar hora extra para guarda civil atuar na periferia (Atualizado)

02/05/14 - Medida seria parecida com Operação que criou 'bico oficial' para PMs. Segundo o prefeito, policiais não aderiram ao projeto na periferia. O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), quer pagar horas extras para guardas civis metropolitanos atuarem em áreas periféricas no período noturno.  A medida é baseada no projeto Operação Delegada,

VEJA TAMBÉM: GCM/SP - Resultado da Mesa Setorial de 24 de Abril



do governo estadual com as prefeituras, que criou um "bico oficial" para os policiais militares.De acordo com o prefeito, a administração municipal tentou ampliar em 2013 a operação para bairros periféricos mais violentos, mas se deparou com a resistência da parte dos policiais militares de folga a aderir ao projeto.



Não tivemos inscrições dos policiais militares. Eu não posso obrigar o policial a se inscrever em um programa novo. Como eu não posso obrigar, porque não é um contingente subordinado ao prefeito, nós vamos mandar para a Câmara agora um projeto que estende a operação delegada para a Guarda Civil. Assim eu vou poder ter outro tipo de interação com a Guarda Civil”, afirmou o prefeito na inauguração da UBS Novo Pantanal, na Zona Sul de São Paulo.

Operação Delegada estadual


O governo do estado lançou em março o programa Operação Delegada, que prevê aumento na jornada de trabalho para até cinco mil agentes da Polícia Militar. A medida ficou conhecida como um "bico oficial" na época. Oficialmente, o nome do programa é Diária Extraordinária para Jornada Especial (Dejen).


Segundo estimativas do governador Geraldo Alckmin (PSDB), um soldado da PM pode recebre até R$ 1.500 em um mês pelas horas extras.

Imagem encaminhada por Jackson Quadros


Fonte: G1

Comentário do editor do site Polícia Municipal do Brasil


É uma falta de respeito, falta de reconhecimento e descaso por parte do prefeito Fernando Haddad para com os agentes da Guarda Civil Metropolitana. A Guarda Civil Metropolitana está há 10 anos estagnada, ou seja, em 2004 foi feito um plano de carreira furado que só favoreceu um pequena parcela dos agentes, isso com a conivência do Sindguardas e demais associações.

Pois bem, no início de 2013 esse mesmo prefeito anunciou na imprensa um reajuste de 70% para os servidores de nível básico e de 40% para os servidores de nível médio. Pois bem, por razões desconhecidas por este Jornalista, os servidores concursados e efetivos da GCM não receberam reajuste algum..!


E agora, após um ano, este mesmo prefeito vem com um reajuste ridículo de 5%..isso não cobre nem mesmo a inflação do período, é um tremendo desrespeito e descaso para com estes servidores. Para quem não sabe, no início da GCM, pelo então glorioso Jânio Quadros, um agente da GCM em início de carreira ganhava em torno de 10 salários mínimos. E agora, após 28 anos, na Gestão do Sr. Prefeito Fernando Haddad ( PT ) um agente em início de carreira ganha um salário mínimo e meio..ridículo..um absurdo para um agente da autoridade da cidade mais rica do Brasil, vejam o que estão fazendo com esta valorosa corporação...


Esta tal operação delegada foi criada pelo então ex-prefeito Serra, diga-se de passagem..um dos piores prefeitos que São Paulo já teve..!


Eu não entendo, como que a Prefeitura mais rica do Brasil não tem verbas disponíveis para reajustar o salários dos agentes de GCM que hoje estão desanimados, desestimulados e desrespeitados pelo poder público. Mas para induzir o agente da GCM a fazer a tal operação delegada existe verba..? 


O Prefeito precisa entender que, a Guarda Civil Metropolitana faz parte do funcionalismo público, portanto detém os mesmos direitos dos demais servidores..!


E hoje, além de não haver reconhecimento profissional nenhum.. ainda, os agentes da GCM estão ganhando o pior salário da Prefeitura de São Paulo. Você não entendeu errado.. qualquer outro servidor da Prefeitura está ganhando mais que um agente da Guarda Civil Metropolitana.


Agente este que, está diariamente fardado e armado, com poder de polícia, e como um agente da autoridade, assim como o policial civil e o policial militar. Que todos os dias coloca a sua vida em risco em prol da sociedade e em muitas vezes é morto devido à função que exerce.. isso é justo senhor prefeito..? É justo senhor prefeito.. a GCM não estar enquadrada em nível algum dentro dos planos de cargos e carreiras da PMSP..?


Os agentes da GCM não querem trabalhar dobrado senhor prefeito..! Os agentes querem respeito e salário digno de acordo com o grau de risco e peculiaridades que esta função exige..!

Um comentário:

  1. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    É sacanagem só sobra a sobra da sobra pra nós só boca pobre tô fora.

    ResponderExcluir

Constituição Federal:
Art. 5º / inciso IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vetado o anonimato;

O seu comentário é uma ferramenta importante para o aprimoramento deste site, porém, deverá seguir algumas regras:

1 - Fica vetado o anonimato;
2 - O comentário deverá ter relação com o assunto em questão.
3 - Não serão aceitos comentários que denigram o nome/imagem de quaisquer instituições ou de seus integrantes.
4 - Comentários inapropriados serão retirados pelo editor do site sem prévio aviso.

OBS.: Verificar Página Termos de Uso - Ao enviar o seu comentário, fica confirmado ter conhecimento da política de uso deste site.