Vídeo mostra ação policial contra grupo de jornalistas durante protesto em SP

15/06/13 - Um vídeo publicado na noite desta quinta-feira no YouTube mostra a ação de um grupo de policiais militares contra jornalistas durante protesto do Movimento Passe Livre no centro de São Paulo.




As imagens foram feitas pelo jornalista Diego Cruz, 30, do portal do PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado), na Praça Roosevelt.

VEJA AINDA:



No vídeo, os repórteres se identificam e pedem para que não sejam atingidos. Os policiais ignoram o pedido e disparam tiros de borracha contra os profissionais da imprensa. Em seguida, jogam bombas de gás lacrimogênio no meio do grupo, quando se dispersa.


"O protesto estava calmo e do nada eles começaram a atirar na imprensa", disse a jornalista do PSTU Raíza Rocha, 27, que fazia a cobertura do protesto ao lado de Cruz. "A gente gritava dizendo que éramos jornalistas, mas eles não estavam nem aí".

Compartilhe:

3 comentários:

  1. meu nome é Ronaldo estive nessa ultima manifestação e todo o tempo foi pacífica realmente sem nenhum sinal de depredação mas de uma hora pra outra a P.M Policícia Militar começou a estourar bombas de efeito moral e a lançar granadaso que provocava tumultos e contra ataques de pequenos grupos que a meu ver eram policiais infiltrados pra causar baderna pois os PM policiais militares começaram a agradir gratuitamente ,foi uma cena medonha forças policiais despreparadas pra grandes manifestações deve ser por isso que eles estão proibidos de trabalharem na Copa dentro dos estádios.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Ronaldo, por sua participação. O seu ponto-de-vista é interessante, porém, em uma manifestação com a presença de milhares de manifestantes, onde muitos estão mascarados (e até mesmo sem cobrir os rostos) são filmados depredando ônibus e veículos, podemos realmente considerar que 'policiais infiltrados' iniciaram o confronto? Talvez cada um devería fazer o seu Mea Culpa, ou não?

    ResponderExcluir
  3. Não participei da manifestação nas ruas mas sou a favor da manifestação pacífica,
    pois é justo reivindicar nossos direitos como cidadãos, pois pagamos impostos e temos
    que cobrar nossos representantes que estão poder o resultado disso.

    Mas violência contra os policiais, - que também são cidadãos e pagam impostos como nós
    e estão cumprindo sua função de proteger o patrimônio público e os munícipes- saquear lojas,
    depredar patrimônio público eu não concordo, essas pessoas perderam o foco e a razão!

    E aos GCms do IOPE meus parabéns pelo posicionamento em frente a prefeitura de São Paulo,
    recuaram no momento certo, parabéns a Você, GCM Guerra,pela coragem e respeito ás pessoas que
    apesar de não merecerem o devido respeito por sua postura agressiva, você foi profissional,
    teve domínio próprio e ainda colaborou com sua chefia registrando imagens das pessoas
    que estavam agredindo a equipe e ao mesmo tempo protegendo-os, e colaborando para que os arruaceiros
    fossem reconhecidos e as devidas penalidades da lei fossem cumpridas.

    Minha pergunta é: Vocês protegem a população e o patrimônio público e quem os protege? que Deus os cubra com sua
    proteção todos os dias!

    ResponderExcluir

Olá, seja bem-vindo! Faça o seu comentário com responsabilidade. Muito obrigado!

Por Dennis Guerra